Isaac

Quero ser parceiro isaac Quero falar com isaac

Blog isaac

5 dicas sustentáveis: preservar o meio ambiente reduz custos

Gradativamente as práticas sustentáveis estão sendo inseridas na sociedade e o tema vem ganhando a devida atenção e importância. As pessoas estão entendendo cada vez mais como as suas necessidades podem ser atendidas sem agredir o meio ambiente, e que garantir um planeta habitável, sem comprometer o uso de seus recursos naturais, é primordial para a vivência de todos e das futuras gerações.  Com as recentes crises naturais e climáticas, tratar o assunto tornou-se primordial. Muitas escolas estão adaptando os planos de ensino para que questões sustentáveis sejam incluídas nas disciplinas e realizando ações internas, como forma de conscientizar os alunos sobre a importância de cuidar do nosso querido lar, o planeta Terra.

Práticas de sustentabilidade nas IEs são fundamentais para a formação de cidadãos conscientes e responsáveis. Pensando nisso, fizemos uma lista com 5 dicas sustentáveis para te ajudar a implementar esses métodos na sua escola. Afinal, dar o exemplo é uma ótima forma de ensinar, né? Olha só!

Hidrate-se, mas conscientemente. Economize água!

Caso não seja usada de forma consciente e sem desperdício, a  água potável é um dos recursos que tende a ficar mais escasso no mundo. No Brasil, por exemplo, o seu consumo por pessoa ultrapassa 200 litros por dia.

Para conscientizar os alunos, funcionários e responsáveis sobre a importância  dessa economia, promova campanhas, oficinas, palestras e divulgue materiais ricos de ensino. Atente-se a essas comunicações durante todo o ano letivo, mas aproveite o Dia Mundial da Água, comemorado no dia 22 de março, para realizar ações especiais e que ressaltem ainda mais esse recurso tão valioso da natureza. 

Mas não deixe somente na teoria, a escola precisa dar o exemplo e também pode utilizar inúmeros métodos de reaproveitamento. Atualmente existem muitas opções econômicas, como sistemas para reutilização de água da chuva (cisternas) - que auxiliam na irrigação de jardins ou limpeza de áreas externas, torneiras com timer e descargas com duplo acionamento.

Fique também de olho em vazamentos, às vezes uma rachadura pequena pode causar um desgaste terrível, e ainda custar mais caro para arrumar.

Acendeu a luz? Não esqueça de apagar depois

Você sabia que quanto menos energia elétrica se consome, menor é a necessidade de construir usinas hidrelétricas ou acionar as usinas termelétricas, as quais exercem impactos bastante negativos ao meio ambiente? Pois é, por isso sua economia é tão importante quanto a da água. Quando utilizada de forma racional, a energia elétrica diminui o custo operacional da escola, reduzindo seu peso à natureza.

Uma das formas mais acessíveis pode ser começando a investir em lâmpadas de LED e na instalação de sensores de presença. No caso dos aparelhos de ar-condicionado, veja os picos de energia por meio de medidores e gerenciamentos específicos para que, nos horários de maior custo, haja controle e menos gastos. Desligue o maior número possível de aparelhos das tomadas, pois, mesmo em stand-by, apresentam consumo.

Caso tenha uma condição financeira maior, a escola pode instalar placas fotovoltaicas, onde toda a energia elétrica consumida será proveniente dos raios solares. Apesar de caro, é um investimento que trará excelentes retornos à médio e longo prazo à sua instituição.

Também utilize métodos de conscientização, como campanhas, oficinas, palestras e materiais ricos de ensino. Aproveite para fazer uma ação especial no dia 29 de maio, o Dia Nacional da Energia, para incentivar ainda mais a comunidade escolar a poupar energia. 

O que acontece com o papel que é jogado no lixo?

O uso excessivo do papel prejudica o meio ambiente, já que muitas árvores são derrubadas para a extração da celulose. Portanto, quanto mais papel, mais árvores são retiradas da natureza.

E, infelizmente, a quantidade de papel que uma escola gera é muito grande, por conta de apostilas, provas, atividades, boletins, fichas cadastrais, memorandos, relatórios e demais documentos.

Com o avanço da tecnologia, é possível melhorar esse cenário. A papelada burocrática pode ser trocada por sistemas automatizados, permitindo a digitalização de relatórios escolares, boletins, diários de classe etc. Além disso, esses documentos digitalizados estarão mais facilmente disponíveis para consultas, do que quando procurado em pastas físicas. 

Já dentro das salas de aula, busque estimular o reaproveitamento de livros, apostilas e, claro, a reciclagem do papel. Fique atento a imprimir somente o que for necessário!

O processo de reciclagem pode ser muito mais fácil do que se imagina. É possível fazer uma campanha de doação de folhas, cadernos, apostilas e tudo o que seja de papel para, então, processá-los e gerar folhas ecológicas, feitas a partir de papel reciclado. Hoje em dia muitas empresas podem ser contratadas por preços mais baixos para te ajudar nessa missão sustentável.

Outra prática que pode ser adotada, e tem sido bem comum, principalmente devido à pandemia da Covid-19, é a aplicação de provas e atividades pelo celular ou computador.

Para que todos tenham consciência da origem e uso do papel, mantenha essas informações sempre presentes na rotina dos alunos, funcionários e responsáveis, mostre quais as iniciativas que a escola tem feito para lutar contra o desmatamento e para se tornar mais amiga do meio ambiente. 

Todo mundo já ouviu falar em reciclagem 

A reciclagem é uma das práticas mais comuns quando falamos sobre sustentabilidade. Ensinar como reciclar de forma correta é importante, por isso incluir atividades que inspirem a rotina dos alunos é muito interessante. Por exemplo, a escola pode propor atividades que envolvam o assunto e fazer com que a prática fique constantemente presente no dia a dia de todos.

Uma dica bem legal, é que a sua IE pode promover oficinas com profissionais da área de reciclagem para que todos os integrantes do corpo escolar consigam entender sua importância e como colocá-la em prática. Incentive todos a darem um novo sentido aos materiais que seriam descartados na natureza.

Ah, não se esqueça de instalar postos de coleta seletiva para depositar os materiais recicláveis, como folhas de papel, garrafas pet, caixas de leite, latinhas de alumínio, sacolas plásticas e outros.

O que compramos e consumimos têm um grande impacto no meio ambiente. Todo o sistema do planeta está interligado, do desmatamento na Amazônia à produção excessiva de lixo. Outra ação que pode adicionar à lista é substituir os copos plásticos por canecas, as cápsulas de café pelo passado em filtro de papel e por aí vai.

Todos podem ajudar a construir um planeta mais sustentável!

Todo o corpo escolar deve se comprometer com a causa ambiental, já que sem ela não será possível se tornar uma escola sustentável. Abra as portas para as contribuições, convide funcionários, alunos, responsáveis e profissionais que possam agregar com mais conhecimento a participarem do movimento e transformar a instituição em um espaço ecologicamente correto.

Todos podem colaborar colocando a mão na massa. As estratégias que impactem positivamente a rotina da sua IE, para que ela se torne mais sustentável, ajuda a criar mais vínculo com sua comunidade escolar. Neste período em que estamos mais distantes fisicamente, é importante fortalecer os laços entre escola e família

A sustentabilidade é um trabalho contínuo, comece com pequenas práticas e, aos poucos, sua escola poderá ser referência no assunto :) 

Sabemos que para aplicar essas e outras iniciativas você precisa de tempo. A boa notícia é que com o isaac você fica longe das burocracias administrativas e pode olhar para o que realmente importa: a educação! Entre em contato com a gente para saber mais.

Queremos te conhecer melhor :)

Você é Gestor Escolar
ou Responsável por Aluno?

Nosso time está pronto
Para torna sua experiência
Incrivelmente simples.

Como podemos ajudar?

Fale conosco

Preencha o formulário e nossa equipe
enviará mais informações sobre
a melhor solução para sua escola.
Fechar