Isaac

Quero ser parceiro isaac Quero falar com isaac

Blog isaac

Como atualizar o perfil da sua escola nas redes sociais?

As redes sociais fazem parte do dia a dia de muitas pessoas, e cada vez mais têm se tornado vitrines de comunicação essenciais para divulgar marcas e ações. Independente de onde esteja, é quase impossível você não encontrar alguém com um celular em mãos e acessando seus perfis, seja no Instagram, Facebook, Twitter, LinkedIn ou qualquer outro.


Usar essas plataformas como aliadas para melhorar a comunicação e estreitar a relação com a comunidade escolar, é uma ótima maneira de promover a sua instituição de ensino, manter as famílias atualizadas, alavancar a sua captação de alunos, se relacionar com quem já faz parte do corpo discente, e ainda ficar nas principais tendências dos assuntos mais comentados no universo estudantil!


A internet, junto com um bom marketing digital, oferece inúmeras vantagens e possibilidades para trabalhar a imagem da sua IE. Nesse post, separamos dicas super legais e incrivelmente simples que podem ajudar na presença online da sua escola nas redes sociais. Confira!

Ter um bom planejamento é o começo de T-U-D-O 

Toda boa estratégia de marketing digital para redes sociais começa com uma análise para definir o público-alvo com quem vai se comunicar. Para uma escola é preciso destacar os dois perfis mais importantes: os alunos e os seus responsáveis - sejam os que já estão matriculados na escola ou não. 

Esses grupos realizam ações específicas na internet, utilizam redes sociais diferentes e possuem comportamentos singulares em cada uma delas.  Entender e conhecer um pouco de seus hábitos digitais, como “quais são os canais de comunicação mais utilizados?”, facilita o relacionamento, e assim aumentam as chances de um planejamento eficaz e bem sucedido.

Por exemplo, os jovens marcam presença forte no Twitter, no Instagram e no Facebook. Já muitos dos responsáveis ainda preferem o WhatsApp, os vídeos no YouTube, e só às vezes dão uma breve passadinha pelo Facebook ou Instagram.

Quem dera existisse uma bola de cristal para revelar a plataforma online mais assertiva para descobrir isso, né? Mas você pode começar fazendo uma boa e ampla pesquisa de campo como ponto de partida para o seu planejamento, e perguntando aos estudantes e os responsáveis:

  • Quais redes sociais mais utilizam?

  • Qual o tipo de conteúdo que consomem?

  • Quais dias e horários costumam estar onlines?

  • Participam de algum grupo específico?

  • E o que mais achar que possa ser interessante para te ajudar.


As redes sociais mais queridas e famosas

Feito isso, selecione a opção ou as opções mais votadas, e conheça-as profundamente para criar a página da sua escola. A todo instante surge uma rede social nova e é incrível como a popularidade se espalha rapidamente, principalmente entre os jovens, mas mesmo assim, as mais comuns estão sempre em alta e são as principais, e mais queridinhas pelo público, para se investir:

Facebook: O famoso Face. É considerada a rede social mais utilizada no mundo! Sua escola pode ter uma página, onde poderá publicar textos educacionais, eventos e fotos, e os usuários podem curtir e seguir, interagindo com o conteúdo por meio de comentários, compartilhamentos e os famosos likes - as curtidas nas postagens. Além disso, com o Facebook Messenger é possível que interessados entrem em contato com a instituição por meio do bate-papo. Essa rede possui diversos recursos voltados para empresas, como publicação de anúncios, ampliando mais o alcance da página. 

Instagram: Essa é uma rede social mais visual. O Insta, como é chamado, permite que a escola crie um perfil para publicar fotos, vídeos e imagens institucionais, como a rotina escolar, salas de aulas, plano de ensino, interação entre professores e alunos, e muito mais. Os usuários podem seguir a página e interagir com comentários e curtidas. O recurso dos stories, permite que publicações fiquem visíveis por apenas 24 horas, e pode ser usado para comunicar temas mais momentâneos, além de permitir a transmissão de lives.

YouTube: Super famoso pela publicação de vídeos! Com essa rede social, a sua instituição pode criar um canal e publicar diversos conteúdos em vídeo, e o público também interage com comentários e curtidas. Existe um recurso no YouTube que possibilita a veiculação de transmissões ao vivo, permitindo a realização de eventos e aulas onlines. É indicado para quem deseja gerar bastante conteúdo didático sem se preocupar com o tempo de exibição.

Twitter: Por essa plataforma a escola pode fortalecer o seu posicionamento, expressar opiniões e estreitar relacionamento com os alunos de forma mais direta e até descontraída. A mensagem publicada por lá chama-se tweet e pode ser em formato de textos, fotos, GIF ou vídeos. Porém, o conteúdo textual é um pouco limitado, já que as postagens possuem limites de 280 caracteres. Mas mesmo assim, é uma ótima plataforma para atingir o público mais jovem. 

WhatsApp: Por último, mas talvez o mais famoso e importante! O Whats é o meio mais famoso de contato direto, seja com responsáveis ou com alunos, e estreita muito o relacionamento com a escola, tornando a comunicação entre ambos os lados mais clara, direta e prática. Por essa rede, a escola pode enviar comunicados importantes, datas de avaliações ou eventos, desenvolvimento do plano de ensino, horários de atendimento e muito mais. Mas lembre-se que para essa opção, é recomendado que tenha um número de telefone estritamente profissional e destinado ao responsável por cuidar disso, focando o contato e evitando perder informações. 

“- Criei o perfil da minha escola. E agora, o que postar?”

Pronto, agora que já está devidamente apresentado às redes sociais mais populares, vamos falar de conteúdo! O que devo postar? Qual a frequência de postagens? Como devo me comunicar com os responsáveis? Como atrair a atenção dos alunos? 

Calma, não se desespere, o importante é começar e de início adaptar a quantidade de produção de conteúdo para a sua realidade de disponibilidade e manter, até conseguir cada vez mais dar os próximos passos e ir aumentando a quantidade conforme consegue.

Se tiver uma equipe de profissionais da escola apenas para isso ou uma agência que possa ser apoio nesse desenvolvimento, será muito bom. Porém, se por agora não conseguir, o importante é começar e se organizar para dar certo.

No início pode haver certa dificuldade de quais assuntos falar, mas lembre-se que o tema mais simples e rotineiro poderá ter um forte potencial de interesse nas redes sociais. Algumas dicas abaixo:

  • Rotina de aulas

  • Atividades extracurriculares que a escola realiza

  • Passeios e eventos

  • Como está enfrentando o sistema híbrido ou online

  • Comunicados importantes

  • Atualizações do sistema de ensino

  • Espaços da instituição

  • Cultura escolar


Há uma infinidade de tópicos que a sua escola pode abordar nas redes sociais e com certeza será um sucesso!

Todo mundo sofre com o tal bloqueio criativo. Chegou o momento em que não sabe o que postar? Pergunte! Um ponto super positivo das plataformas online é que permitem todo tipo de interação e nada melhor do que os próprios seguidores para conseguirem te guiar, né? 

Postar com regularidade é outro ponto fundamental para manter o interesse ativo do seu público nas redes sociais, além de aumentar as chances de captação de seguidores. Faça postagens em diferentes horários do dia, mas cuidado para não exagerar. Além disso, você pode usar todo o universo da educação a seu favor e publicar conteúdo de outras contas e sites relacionados.

Utilize as plataformas sociais para disponibilizar materiais didáticos que são importantes para a rotina dos alunos. Por exemplo, pelo YouTube sua escola pode reforçar o conteúdo das aulas, realizar revisões, auxiliar no momento de dúvidas e oferecer assuntos que sirvam como possíveis debates em sala de aula, instigando o desejo da pesquisa e aprendizado dos estudantes.

Os jovens alunos gostam mais de conteúdos atrativos e criativos, aplicar esses estilos gera uma relação de identidade positiva deles com a escola. A partir do momento que estabelece-se essa conexão e aproximação, eles passam a enxergar a IE como uma parceira de aprendizagem, mas que também está interessada nos seus gostos e opiniões, demonstra o quanto a instituição é capaz de falar e abordar o universo dos jovens e crianças.

Os responsáveis, por outro lado, preferem as informações de forma mais institucional, conteúdos que destaquem o sistema de ensino e a própria instituição. Divulgar os projetos e a metodologia desenvolvida de uma maneira leve e descontraída, também facilita a interação da família. 

Os conteúdos publicados nos perfis das redes auxiliam a criar um entrosamento importante entre escola-responsáveis-alunos, na fidelização dos alunos atuais e também na captação de novos. Enxergue e utilize-as como ótimos instrumentos de fortalecimento institucional para a sua marca.

Sempre terão conteúdos voltados ao aprendizado diário e que geram ainda mais valor à educação, use isso como um diferencial na sua escola. Compartilhe filmes, vídeos, e-books, músicas, podcasts e outros materiais educativos que possam ser interessantes para os alunos. 


Fuja do óbvio e pense além dos materiais que já existem hoje em dia, com um perfil nas redes sociais é preciso se adaptar à linguagem e vocabulário, assuntos mais sérios, mas também expanda os seus horizontes e navegue no que a internet tem de melhor a oferecer.


Fique atento a alguns detalhes importantes!

Realizar revisões das postagens é uma dica extremamente importante, ainda mais quando falamos de escolas, né? O português correto, evitando o uso de gírias e sem quaisquer erros de ortografia é imprescindível para não passar uma imagem errada da sua IE aos seguidores, responsáveis e alunos.

Atente-se sempre à qualidade dos conteúdos visuais, sejam fotos próprias da escola, imagens de outros sites ou vídeos. Você pode recorrer ao uso de bancos de imagens da internet, existem muitos gratuitos atualmente, mas o ideal é que tenha materiais de sua autoria para expôr nas plataformas.

Tenha cuidado ao publicar fotos dos alunos na internet. Nossa dica para isso é: elaborar um termo de consentimento para o uso da imagem do aluno, que os responsáveis tenham que assinar ou recusar no ato da matrícula. Porque se for compartilhar conteúdos do dia a dia, aulas e dinâmicas, precisará estar atento aos estudantes que podem ou não expor, evitando complicações.

Com um bom conteúdo, a captação de alunos é sucesso garantido

É visível o aumento no números de matrículas quando as escolas começam a criar mais identidade e visibilidade nas redes sociais. Durante os momentos de captação de aluno, foque o conteúdo para esse tema, como propagandas com o período para matrículas e como os responsáveis pelos novos alunos podem conhecer o colégio.

Nesse período, as ações desenvolvidas nas plataformas digitais possuem como objetivo: despertar interesse, informar os responsáveis, cativar e captar novos. Portanto, tenha claro o seu foco em uma geração de conteúdo que consiga atrair esse público, para posteriormente, mirar no momento mais indicado para apresentar a proposta de matrícula.

Mas não se esqueça que além desse público você também precisa gerar conteúdo de qualidade para quem já está na escola. Faça uma mistura saudável de publicações para que todos saiam ganhando! Aos poucos, você conseguirá ter uma comunidade escolar online super engajada e querida. Para criar uma comunicação efetiva com o seu público é essencial que o marketing escolar seja bem trabalhado.


Mas lembre-se: ninguém consegue crescer na internet do dia para a noite. Não desanime se estiver com pouco engajamento ou seguidores, concentre-se em gerar um conteúdo educacional de qualidade e entregar de forma didática ao seu público, o crescimento vem como subir uma escada, degrau a degrau, e confie. 


Sabia que com a previsibilidade de caixa que o isaac oferece à sua escola, você conseguirá organizar melhor as finanças? Podendo investir na qualificação da comunicação da sua escola. 


Somos uma plataforma especializada na gestão financeira escolar, enquanto cuidamos, com um atendimento humanizado dos responsáveis, e, também das questões financeiras e burocráticas, você terá mais tempo para focar na educação dos alunos e investir em métodos que auxiliem na transformação da sua instituição! Quer saber mais? Venha falar com a gente!

Queremos te conhecer melhor :)

Você é Gestor Escolar
ou Responsável por Aluno?

Nosso time está pronto
Para torna sua experiência
Incrivelmente simples.

Como podemos ajudar?

Fale conosco

Preencha o formulário e nossa equipe
enviará mais informações sobre
a melhor solução para sua escola.
Fechar